A noite escura da alma

 

Amanhecer em condomínio na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, 1989

Hotel em Petrópolis, RJ, 1988

Rio de Janeiro, RJ, 1986

Rio de Janeiro, RJ, 1987

Vila em Botafogo, Rio de Janeiro, RJ, 1986

Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, 1985

Rio de Janeiro, RJ, 1987

Santa Teresa, Rio de Janeiro, RJ, 1989

Bar em Belo Horizonte, MG, 1986

Rio de Janeiro, RJ, 1990

New Year's Eve, Edinbourg, Escócia, 1980

New Year's Eve, Edinbourg, Escócia, 1980

Rio de Janeiro, RJ, 1986

Rio de Janeiro, RJ, 1990

Rio de Janeiro, RJ, 1986

England, 1981

Juiz de Fora, MG, 1985

Autorretrato, Rio de Janeiro, RJ, 1978

Com a maioria de fotos dos anos ‘80, este ensaio foi criado como um exorcismo, em 1999. Nasceu após uma enorme mudança de consciência, anos de vegetarianismo, me mudar para uma fazenda no interior de Minas Gerais onde comecei a me reconectar com a natureza e estar há seis anos sem fotografar. Simboliza a rede mundial negativa, hoje mais ativa que nunca, que estimula o consumo de drogas, o uso liberal do sexo e outras ilusões para contaminar corações . Essa rede de vícios é uma das estratégias do governo mundial do mal, que conscientemente a instalou para impedir a evolução humana, aprisionando pessoas ao mantê-las dependentes, ignorantes e inconscientes.“Poemas drogados”, que acompanha este ensaio, vieram à tona em 2001, quando criava meu primeiro site. Foram baseados em trechos desesperados de antigos escritos e têm a forma de taças.

 

Poemas drogados